O rádio e as novas mídias

“… Possivelmente o veículo que continua mais moderno do que nunca é o RÁDIO. Porque o rádio tem uma instantaneidade que ninguém tem. Pra você colocar alguma coisa na internet, tem que perder o tempo de escrever e no rádio dá pra falar. ”

“… E agora sem outdoor como é que vai ser? O que é que substitui o outdoor? Eu falei: o RÁDIO, porque o rádio é o outdoor que anda né?”

( Washigton Olivetto – Publicitário em entrevista ao programa “Mídia em foco” 24/10/2017 – TV Brasil )

Excelente matéria com vários publicitários, vale conferir!

Produtor rural usa cada vez mais internet para se informar

App no campo

Utilização de smartphones, aplicativos e redes sociais acentua digitalização do campo

O produtor rural usa cada vez mais a internet para se informar. É o que aponta a 7a. Pesquisa Hábitos de Mídia do Produtor Rural, elaborada pela Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio (ABMR&A). A pesquisa foi divulgada nos primeiros dias de junho de 2017.

Segundo o levantamento, que consultou 2.835 produtores rurais de 15 Estados, o uso da internet entre o homem do campo alcançou 42% dos entrevistados, salto de 7,7% frente o resultado da pesquisa de 2013.

O uso de smartphones é outro dado que reforça a forte tendência de digitalização do produtor rural brasileiro. Em 2013, apenas 17% dos produtores consultados disseram ter o aparelho. No levantamento de agora, 2017, 61% dos entrevistados afirmaram possuir ao menos um “celular inteligente”.

VEJA TAMBÉM: Presença feminina no agronegócio cresce e chega a 31%
No que diz respeito a aplicativos e redes sociais, o Whatsapp lidera a preferência dos produtores conectados, com 96% deles declarando usar o app. Em seguida, vem o Facebook (67%), Youtube (24%), Messenger (20%), Instagram (8%) e Skype (5%). “O produtor rural vem usando cada vez mais a internet para se atualizar, buscar informações sobre mercados e insumos”, disse Marcelo Claudino, responsável pela pesquisa.

Outra mídia que avançou na preferência dos produtores rurais foi o rádio, usado por 75% dos consultados, crescimento de 7% sobre o levantamento de 2013. A televisão perdeu pequeno espaço na preferência dos produtores, mas permanece na liderança como meio de comunicação mais utilizado por 92% deles. Por sua vez, publicações impressas [jornais e revistas] e a tevê por assinatura estão sendo menos consumidos pelos produtores rurais.

(Fonte: DATAGRO)

App ABERT disponível para radiodifusores

Você sabia que a ABERT possui um aplicativo exclusivo? Nele é possível acessar por smarphone ou tablet, com mais facilidade e praticidade, as notícias da radiodifusão, conhecer os convênios oferecidos aos associados e interagir com a Associação por meio das redes sociais.

O radiodifusor também pode ter informações sobre cadastro, imprensa e área jurídica. Baixe o app da ABERT e saiba tudo o que acontece no mundo do rádio e da televisão!

Faça o download, é de graça! Para iOS, clique aqui, para Android, aqui

ABERT

Embrapa inaugura canal on-line de rádio

ProsaWeb

Mais um canal de comunicação com a sociedade é lançado no momento em que a Empresa comemora seus 44 anos. É a Rádio Embrapa ProsaWeb, fruto da parceria com a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e mantida em conjunto com os ministérios da Educação, da Cultura, da Saúde e da Defesa. Ao inaugurar a Rádio Embrapa Prosa Web, a Empresa é a primeira instituição a utilizar a plataforma de rádio disponibilizada pela RNP para a veiculação de conteúdos em áudio.

Sob a coordenação da Embrapa Informação Tecnológica, a programação da Rádio Embrapa ProsaWeb será mantida 24 horas no ar, veiculando conteúdos sobre tecnologias e serviços validados pela pesquisa agropecuária com maior dinamismo e interatividade. Neste primeiro momento, o canal terá sua programação alimentada em quase sua totalidade com a reedição dos programas Prosa Rural, selecionados e trabalhados para atender a um público novo e diversificado.

As negociações entre a RNP, a Embrapa Informação Tecnológica e o Departamento de Tecnologia da Informação (DTI), gestor do contrato entre a Embrapa e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa, para a criação desta parceria tiveram início há mais de um ano. Para a gerente-geral da Unidade, Selma Beltrão, “este é um desafio em que estamos apostando, por entender a capilaridade que o canal permite em termos de divulgação do conhecimento gerado pela pesquisa, assim como das expressões culturais das regiões brasileiras e de outras informações que contribuam para melhorar a produção e a qualidade dos alimentos que vão à mesa dos brasileiros, e temos também outras possibilidades de produção para a web, como um Canal de TV, por exemplo, que já está em negociação”.

Na declaração que gravou para apresentar a Rádio ProsaWeb durante a cerimônia de aniversário da Embrapa, que pode ser ouvida na íntegra,  o presidente da Empresa, Maurício Lopes, destacou o diferencial da web como veículo de comunicação com a população: “Com esse canal nós vamos aumentar sensivelmente o nosso relacionamento com a sociedade disponibilizando 24 horas por dia conteúdos na web. Esse canal nos dá mais dinamismo, mais interatividade”.

A importância de ter mais espaços de intercâmbio com a sociedade foi destacada pelo diretor de Transferência de Tecnologia, Waldyr Stumpf. Para ele, poder promover essa troca com a sociedade é construir soluções em conjunto, principalmente para essa grande cadeia que forma a rede mundial de produção de alimentos no Brasil e no mundo. Confira a fala do diretor.

Na programação, o ProsaWeb manterá também playlists temáticas, quadros de receitas, spots de campanhas produzidas pela Embrapa e parceiros, dicas  e inovações com foco na produção agrícola, na sustentabilidade e na cidadania. Além disso, o canal pretende ser um espaço para a participação de pesquisadores, técnicos, gestores e outros convidados que queiram divulgar seu trabalho e instigar discussões em torno de temas atuais e de interesse do público da web.

A RNP
Pioneira, em 1992, como rede nacional de acesso à internet para instituições públicas no Brasil, a RNP tem como principal incumbência promover o desenvolvimento tecnológico e apoiar a pesquisa de tecnologias de informação e comunicação, criando serviços e projetos inovadores e qualificando profissionais. Possui 27 pontos de presença em todo o País que, interconectados, formam a rede acadêmica nacional (rede Ipê). Essa rede é integrada pelas principais instituições de educação superior e produção de conhecimento e inovação do Brasil, abrangendo principalmente universidades, institutos federais, unidades de pesquisa, hospitais de ensino e museus. Saiba mais sobre a RNP.

Maria Luiza Brochado (DRT 763/DF)
Embrapa Informação Tecnológica

Telefone: (61) 3448 2479

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

ANRADIO firma parceria com Fecomercio para realização de curso em 2017

O Instituto Brasileiro de Radiodifusão, a ANRADIO Brasil, firmou parceria com a Fecomercio para a realização de cursos de formação de radialista. Segundo nota, a ANRADIO também tem o objetivo de oferecer outros cursos voltados para a radiodifusão nacional.

O anúncio da parceria entre a ANRADIO e a Fecomercio foi feito durante a sessão solene em homenagem ao “Dia do Radialista”, ocorrido em sete de novembro. O presidente da associação, Hélio Corrêa, acompanhado do diretor José Antônio, assinaram convênio com a Federação do Comércio do Distrito Federal, a Fecomércio, representado pelo presidente Adelmir Santana.
Com a assinatura do convênio, a ANRADIO, em parceria com o SENAC-DF, fica autorizada a promover curso de formação de radialista, a partir do primeiro semestre de 2017. A iniciativa é pioneira em Brasília, e abrirá caminho para qualificação dos profissionais da radiodifusão brasileira, começando pela capital da república, mas que futuramente poderá se estender para demais estados.
Outros projetos de convênios estão em andamento e estão em fase de credenciamento. Há também parcerias com a Cooperativa de Habitação de Brasília e também com o clube da Associação dos Servidores da Câmara dos Deputados (Ascade).
Os trabalhadores da radiodifusão brasileira que quiserem conhecer mais sobre o Instituto ANRADIO, receber informações ou se tornar membro, podem entrar em contato através do email: anradiobrasil@gmail.com e também acessar o site www.anradio.org.br.
Tags: Rádio, ANRADIO, Fecomercio, Brasília, cursos
Fonte: Site ANRADIO

Livraria Embrapa: levantamento mostra alto grau de satisfação dos clientes do site

Levantamento realizado pela Livraria Embrapa entre agosto e dezembro de 2016 mostra alto grau de satisfação dos clientes do site com o serviço prestado: 90% daqueles que participaram da consulta classificam o atendimento do site como ‘Muito Bom’ ou ‘Bom’. E 65% deles recomendariam a livraria para um amigo ou familiar.

A pesquisa de satisfação foi realizada por meio de um formulário enviado aos clientes, por e-mail, após cada venda. Foram respondidos, de forma anônima e voluntária, 237 questionários. Em duas questões abertas, os clientes foram convidados a expressarem livremente suas opiniões.

Alguns usaram o espaço destinado a críticas e comentários para fazer elogios, entre os quais, destacam-se:

Continuar lendo

Embrapa reedita títulos sobre queijo de sua Coleção Agroindústria Familiar

A Embrapa relança, em 2ª edição, atualizada, três títulos, sobre queijo, de sua Coleção Agroindústria Familiar: “Queijo mussarela”, “Queijo minas frescal” e “Queijo parmesão”.

Assim como todos os títulos da Coleção Agroindústria Alimentar, os manuais ora reeditados resultam da parceria da Embrapa Informação Tecnológica (Brasília-DF) com a Embrapa Agroindústria de Alimentos (Rio de Janeiro-RJ), e trazem, em linguagem simples e didática, informações essenciais sobre o processamento industrial de algumas matérias-primas – como leite, frutas, hortaliças, cereais e leguminosas –, que, no caso desses três títulos, é o queijo.

Obtido a partir da coagulação do leite e a posterior retirada do soro, o queijo é um concentrado protéico-gorduroso bastante consumido no Brasil, e, portanto, um alimento com grande demanda no mercado. Contudo, sua fabricação é uma arte que, independentemente do grau de industrialização, ou do nível tecnológico, requer do queijeiro vários cuidados em cada etapa de sua produção, para que obtenha um produto de boa qualidade.

Dai a importância da atualização, em nova edição, desses três manuais da Coleção Agroindústria Alimentar, cujo objetivo comum é apresentar de forma detalhada e descomplicada, a pequenos produtores, empresários rurais e demais interessados, todas as etapas, principais controles e boas práticas da produção queijeira.

Exemplares da 2ª edição dos títulos Coleção Agroindústria Alimentar: queijo mussarela, Coleção Agroindústria Alimentar: queijo parmesão, e Coleção Agroindústria Alimentar: queijo minas frescal podem ser adquiridos na Livraria Embrapa – site www.embrapa.br/livraria, fone (61) 3448-4236 ou fax (61) 3448-2494 – pelo preço unitário de R$ 18,00.

Isabel Almeida (MTb 4226/DF)
Embrapa Informação Tecnológica
informaçao-tecnologica.imprensa@embrapa.br

Telefone: (61) 3448-4590

 

 

 

A importância do rádio

A ABERT publicou em seu boletim semanal nº 284 de dezembro, a importância do radinho de pilha em catástrofes, como a que ocorreu recentemente em Santa Catarina. Vale a leitura. Fonte: www.abert.org.br.

radio_pilha